sexta-feira, outubro 07, 2005

O Sonho mais doce.

A inglesa Doris Lessing traz no livro "O sonho mais doce" uma fábula que demonstra a estupidez das utopias cegas à realidade que alienam as populaçôes com palavras belas e sonhos doces, a realidade é amarga.Ela examina os anos 60, 70 e 80 nesse romance de desiluzão, data da involução dos Cravos e da ditadura militar comunista em Portugal, abraçada e aclamada até hoje. A história começa em Londres, onde o comunista John acalenta sonhos grandiosos de solidariedade universal – mas esquece de pagar a pensão alimentícia dos próprios filhos. As ilusões do feminismo, do movimento antinuclear e até das organizações humanitárias também são devastadas nessa obra, que se encerra numa miserável república africana no tempo em que a epidemia da aids está começando.

Um comentário:

BastonadasNacionais disse...

Boa tarde meu caro! Vou desaparecer mas por pouco tempo! :)


Bom fim de semana e até 17/10!

um abraço!