terça-feira, agosto 08, 2006

A Ponte Salazar faz 40 anos.

"À data da sua inauguração era a quinta maior ponte suspensa do mundo e a maior fora dos Estados Unidos da América. Passados quarenta anos, ocupa, agora, o 17º lugar, a nível mundial.
Das curiosidades desta grande obra, para além do vísivel por todos, podemos destacar duas, ter demorado menos 6 meses a construir face ao previsto e de o seu nome ter sido substituído para o nome 25 de Abril, em memória de uma revolução que nada contribuiu para a construção da ponte mas tudo fez para receber tais galões. Os tais "revolucionários" espoliaram o nome de baptismo da obra, de um regime com obra feita, patriota, nacionalista, bravo, que tudo fez para enaltecer e igualar a História já escrita desde Fundação de Portugal mas tais "revolucionários" em nada se assemalham a tais antepassados, tornam completamente microscópico tudo o feito desde 74, passando a ser denominados como os anões da liberdade.
Uns chamam-lhe Ponte sobre o Tejo, outros Ponte Velha, outros (vergonhosamente) Ponte 25 de Abril. Para mim e para muitos será sempre a Ponte Salazar."
Do "Portas do Cerco".

Já são 40 anos da maior obra pública Portuguesa em termos de engenharia da história de Portugal!
Em apenas seis meses a maior ponte suspensa da Europa (Portugal era ainda o primeiro em alguma coisa) e a quinta no Mundo, as quatro maiores ficavam nos E.U.A.
Nem mesmo a democracia que deveria, nos pretextos baixos dos seus defensores, trazer o progresso a Portugal conseguiu igualar tal feito, mas resolveu tal mazela, usurpando o nome do estadista maior da história Portuguesa e pondo o nome da revolução comunista na ponte.
As obras ficam.
E a História não se cala.

5 comentários:

JV disse...

Nem mesmo a democracia que deveria, nos pretextos baixos dos seus defensores, trazer o progresso a Portugal conseguiu igualar tal feito

Por acaso, até conseguiu superar, construindo a ponte Vasco da Gama: com 16 km sobre o Tejo, é considerada a segunda maior ponte do Mundo, logo a seguir à que liga a Dinamarca à Noruega.

Saudações

acja disse...

Mas não é uma ponte suspensa.

acja disse...

E a Ponte Salazar continua sendo a mais alta.
Aliás, a Ponte Vasco foi feita em 98 senão me engano...
E a Salazar em 66.

Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú disse...

Correcto! Ponte Vasco da Gama inaugurada em 1998.

JV disse...

Mas não é uma ponte suspensa.

É tecnicamente tão difícil fazer uma ponte suspensa como uma ponte assente em pilares submersos como a ponte Vasco da Gama (fala um Engenheiro Civil).

E a Ponte Salazar continua sendo a mais alta.

Não sei: passo regularmente em ambas e, sinceramente, não me parece.

Aliás, a Ponte Vasco foi feita em 98 senão me engano...
E a Salazar em 66.


É verdade: o Estado Novo precisou de 40 anos para fazer uma ponte sobre o Tejo, e a Democracia só demorou 24 a fazer uma outra, ainda maior e bem mais segura (a Ponte Vasco da Gama foi projectada para suportar um abalo sísmico de 9,4 na escala de Richter - superior ao que provocou o tsunami na Ásia, portanto).
Bem observado!