quinta-feira, novembro 30, 2006

O dever de não se render.

Considero este humilde e insignificante espaço como uma missão, praticamente inglória, sobre a qual poucos tomam conhecimento.
Mas uma jornada obrigatória nos campos da Internet, sinto-me compelido a continuar a lutar, a fazer ao menos neste pequenino espaço juz aos meus antepassados heróicos, bravos, legendários!
Homens que superaram as lendas antigas no fantástico de sua existência e que nos deixam o legado:
"Por Portugal tudo, contra Portugal nada"!

4 comentários:

Daniel Pereira Fernandes disse...

Estava dificil de voltares a escrever...bem vindo de volta!
Este espaço é humilde sim senhor mas olha que de insignificante não tem nada, antes pelo contrário.

Abraço

EURO-ULTRAMARINO disse...

Feliz regresso, Caro Amigo. O culto da Pátria de sempre é o que mantém-nos vivos.
Um forte abraço.

acja disse...

Saudaçôes camaradas!

F. Santos disse...

Assim seja!