quarta-feira, julho 05, 2006

Três anos de combate!


"(...)E porque logo se seguiram ao Aliança Nacional mais três blogues que considera também de direitistas nacionalistas, “camisanegra” regozija-se e quer ver no Julho de 2003 uma salutar e esperançosa investida da direita e nacionalistas portugueses nos meios de comunicação social.Pela nossa parte, aqui não recusamos as responsabilidades em que nos investiu e sentimos a necessidade de um exame de consciência que seja também balanço do que fizemos neste terceiro ano de existência.Cito, sem recorrer a arquivos, as nossas campanhas e mensagens que se podem considerar mais sistemáticas e aprofundadas:- Contra os poderes ocultos que trabalham na sombra da ONU, em detrimento de valores inalienáveis.- Pelo reconhecimento da gravidade e implicações dramáticas do problema demográfico e em defesa da natalidade da população portuguesa.- Sobre o papel do grupo do VECTOR em quase quarenta anos de vida portuguesa.- Sobre a ideia dum salazarismo democrático.- Sobre a iniciativa de criação do Museu do Estado Novo, nas casas que foram do seu fundador.- Sobre os tabus dos antigos nacionalismos que foi fundamental discutir e ultrapassar (monarquia/república; partido único/único partido; totalitarismo; racismo; valores cristãos fundadores do nacionalismo português; sufrágio universal/sufrágio corporativo/sufrágio institucional; etc.).- Poderes presidenciais, reforma da Constituição, campanha das eleições do Presidente da República.- Caracterização do nacionalismo português como anti-racista, anti-totalitário, anti-regime de partido único, assente em valores cristãos historicamente fundadores.- Repulsa por qualquer partido português que, dizendo-se nacionalista, seja ou pratique o oposto seja do que for de tudo isto.- Sobre a participação necessária do nacionalismo na grande aliança que se vai definindo de todas as forças do Ocidente dos valores e da geostratégia atlântica.- Sobre a distorção pelas esquerdas do sentido e consequências históricas da Guerra Civil de Espanha, como acontecimento fundador da ordem mundial moderna.Acrescento a este balanço uma nota: nenhum dos pontos referidos deixou de encontrar eco, positivo, neutro ou negativo, na blogosfera.Mesmo aos que nos tenham dado esse eco, qualquer que fosse, sem de modo nenhum nos referirem, o nosso obrigado; que tornamos num muitíssimo obrigado para aqueles que não hesitaram nem recearam fazer-nos publicidade e divulgar-nos mais.
António da Cruz Rodrigues (A.C.R.)"
Três anos de luta!
O Aliança Nacional é um exemplo de determinação e força, de lealdade e honra, enfim de lusitanidade.
Longa vida!
Que venham muitos mais anos de luta!
"A Nação é para nós sobretudo uma entidade moral".
Salazar.

3 comentários:

Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú disse...

Continuas em grande forma! :)

acja disse...

Obrigado...

Pantera disse...

parabens ao autor